Autor: Celina Mello Franco

Newsletter

Livros do mês da Conexão Décor 

Galeria Gozto

Instagram

@conexaodecor
  • Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
  • Bom dia, outubro!
  • Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
  • Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
  • A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
  • Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
  • Uma mesa singela, na minha casa, para homenagear o primeiro dia da primavera.
  • Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
  • 21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. 

O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social 
integrada para receber amigos e familiares. 

No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de  convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. 

Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor.

Vai lá no site descobrir o projeto completo.
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos 

Fotografia: Felipe Petrovsky
Em Fortaleza, um apartamento de 230m2, com Décor chic e atmosfera cosmopolita para um jovem empresário. O arquiteto Romário Rodrigues, inspirado pelos lofts nova-iorquinos, criou uma área social integrada para receber amigos e familiares. No projeto, algumas paredes foram derrubadas para criar um espaço de convívio integrado, que inclui as áreas de estar, jantar e cozinha. O arquiteto Romário optou por um design elegante, usando painéis de madeira para aconchegar os diferentes ambientes. Peças icônicas do design brasileiro, como a poltrona Mole de Sergio Rodrigues e a mesa Pétala de Jorge Zalszupin, fazem parte do Décor. Vai lá no site descobrir o projeto completo. Acesse: www.conexaodecor.com Ou link na Bio Arquitetura e interiores: @romariorodriguesarquitetos Fotografia: Felipe Petrovsky
13 horas ago
View on Instagram |
1/9
Bom dia, outubro!
Bom dia, outubro!
2 dias ago
View on Instagram |
2/9
Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
Tons claros, neutros e naturais,
poucos móveis e espaços integrados e fluidos
marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). 

Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. 

Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. 

“A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela.

Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. 

“Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. 

Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.
 
Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com

Arquitetura: @paulamullerarquiteta 
Fotografias: Maura Mello
Tons claros, neutros e naturais, poucos móveis e espaços integrados e fluidos marcam este apê de 140m2, no bairro dos Jardins (SP). Em busca de mais espaço, um casal na faixa dos 40 anos, com uma filha de dois anos, comprou este apartamento de 140m2, no bairro dos Jardins (zona sul de São Paulo), e logo encomendou um projeto de reforma e decoração à uma arquiteta com escritório na capital paulista. Insatisfeita com o resultado e o atendimento, por recomendação de uma amiga que mora no Rio de Janeiro, a nova proprietária decidiu então contratar a arquiteta carioca Paula Müller, que topou o desafio na hora e fez um novo projeto, do zero. “A cliente pediu um apartamento com poucos móveis para deixar a circulação mais leve e fluida, decoração clara, neutra e visualmente clean, com o mínimo possível de cores, além de muitos armários, já que o imóvel anterior era carente de espaços de armazenamento”, conta Paula. “Podemos dizer, então, que este foi o conceito que norteou todo o projeto”, define ela. Com a reforma, o apartamento foi praticamente colocado abaixo. No novo layout desenhado pela arquiteta, a varanda gourmet e a cozinha – antes isoladas, por exemplo -, foram integradas ao living central. “Colocamos a mesa de jantar, com oito cadeiras, no espaço da varanda gourmet, já que no outro lado do living, bem em frente à bancada de cocção tipo península da cozinha, fica a mesa de almoço, com quatro cadeiras”, informa ela. “Por ser repleta de armários e ainda contar com churrasqueira e depurador camuflado na marcenaria, a bancada em corian da varanda gourmet se tornou um apoio super prático à mesa de jantar, deixando este espaço mais independente da cozinha”, acrescenta. Já os outros cômodos do apartamento foram redivididos com a ajuda de armários-divisórias e painéis de marcenaria. Até o hall do elevador, que é privativo, foi renovado, seguindo a mesma linguagem estética adotada na área social.   Vai lá no site descobrir mais sobre esse projeto. Acesse: www.conexaodecor.com Arquitetura: @paulamullerarquiteta Fotografias: Maura Mello
4 dias ago
View on Instagram |
3/9
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. 

Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras.

Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. 
O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. 

“Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco.

Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David.

Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal.

Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. 
Acesse: www.conexaodecor.com
Ou link na Bio 

@dbarq01 / @dbarquitetos 
@franparente 📸
Arquiteto David Bastos mostra seu novo pied-à-terre, no Rio de Janeiro, com ares parisienses. Há dois anos, um edifício de esquina em Copacabana, construído em 1946, chamou a atenção de David Bastos - prestes a ser tombado, o prédio com estética Art Déco não demorou muito a ter uma unidade à venda, arrematada pelo arquiteto, que vive entre Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador, cidades onde mantém escritório, tocando projetos internacionais e em diversas capitais brasileiras. Com 250m², embora o apartamento não tenha vista para a famosa praia carioca, outras vantagens atraíram o morador, como os cômodos voltados para a rua e um generoso pé-direito, com três metros de altura. O prédio de 77 anos inspirou David a manter a atmosfera típica dos anos 1940, com um toque parisiense, acrescentando a ela um mix mais moderno nas peças de decoração. “Evitamos fazer muitas inferências para manter as características arquitetônicas do apartamento e alteramos a área de serviço e os quartos. Além disso, trocamos toda a parte elétrica, hidráulica e o sistema de ar-condicionado”, conta o arquiteto, acostumado a seguir uma linguagem mais contemporânea em seus projetos – segundo ele, foi a primeira vez que trabalhou com o estilo art déco. Um dos destaque no projeto é o lavabo todo espelhado, com bancada desenhada pelo arquiteto, esculpida em mármore e apoiada sobre uma base de latão. “Virou o point da selfie no apartamento”, brinca David. Para arrematar, os cômodos foram recheados com obras de arte brasileiras, de nomes como Di Cavalcanti, Tunga, Amilcar de Castro, Genaro de Carvalho, Sonia Ebling, Burle Marx, Leda Catunda, Antônio Dias, Nádia Taquary, Tuca Reinés, Flávia K, entre outros. “Ao longo dos nove meses de obra, eu mesmo gestei cada detalhe, cada móvel, cada obra de arte. Foi tudo concebido de acordo com o planejado”, finaliza o arquiteto, orgulhoso do novo pied-à-terre em sua cidade natal. Vai lá no site ver a matéria completa, está recheada de fotografias. Acesse: www.conexaodecor.com Ou link na Bio @dbarq01 / @dbarquitetos @franparente 📸
6 dias ago
View on Instagram |
4/9
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos 

O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos.

Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos.

Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado.

“O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu.

Vai lá no site saber mais sobre o projeto.
Acesse: www.conexaodecor.com 
Ou link na Bio 

Projeto: @manuela.santos.arquitetura 
@andrenazarethfoto 📸
A casa dos sonhos O sonho de um casal de advogados: morar numa casa cercada pela natureza para desfrutar de mais tempo com seus três filhos. Para essa empreitada, a reforma da casa em meio a natureza do bairro do Jardim Botânico (RJ), convidaram a arquiteta Manuela Santos para projetar a casa dos sonhos. Como o casal trabalha de forma híbrida e tem dois filhos pequenos e um adolescente, passam muito tempo juntos. Por isso, o detalhamento dos espaços, pensados para acompanhar o dia-a-dia dos integrantes da família, merece ser evidenciado. “O desejo dos moradores era um lar amplo e incorporado à área externa no pavimento térreo. Para isso, pensamos numa grande sala de estar, trabalhando com poucos móveis, entre eles um sofá em “L” voltado para a vegetação. Na cozinha, criamos uma pequena copa de apoio que conta com uma bancada junto à janela com vista para o verde do paisagismo”, explica afirma Manu. Vai lá no site saber mais sobre o projeto. Acesse: www.conexaodecor.com Ou link na Bio Projeto: @manuela.santos.arquitetura @andrenazarethfoto 📸
1 semana ago
View on Instagram |
5/9
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ.

Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. 

Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich.

Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? 
Um sonho.
Conheça a Poppy, Daisy, Dolly, Cleo, William, Piglet e TJ. Essas lindas ovelhas são uma criação do americano, Lewis Miller, um mago do design floral. Dois momentos diferentes nas imagens…no Museu de Arte de Aspen e em frente a uma casa em Greenwich. Absolutamente encantada com o trabalho do @lewismillerdesign - já pensou em ter um gramado repleto dessas fofuras!? Um sonho.
1 semana ago
View on Instagram |
6/9
Uma mesa singela, na minha casa, para homenagear o primeiro dia da primavera.
Uma mesa singela, na minha casa, para homenagear o primeiro dia da primavera.
1 semana ago
View on Instagram |
7/9
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! 

Imagens: 
© Todos os direitos reservados aos responsáveis
Olá, primavera! Imagens: © Todos os direitos reservados aos responsáveis
1 semana ago
View on Instagram |
8/9
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo 

O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. 

Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! 
Série em parceria com a @arte.in.forma 

Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria?
Ou a história de determinado mobiliário?
Nos vamos te contar!
Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! 

Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
21° capítulo O nome é esquisito, e o hábito um tanto estranho…mas foi muito comum nos séculos passados. Escarradeira é o tema de hoje do nosso Glossário Décor! Série em parceria com a @arte.in.forma Sabe aquele termo de decoração que você não faz ideia do que seria? Ou a história de determinado mobiliário? Nos vamos te contar! Arrasta para ver o carrossel e descobrir mais! Quer saber sobre os capítulos anteriores? Veja nos destaques, estão todos lá.
2 semanas ago
View on Instagram |
9/9

Pinterest

Facebook