Expectativa pela EXPO 2020 DUBAI

Em 2020 será realizado um dos maiores eventos mundiais.

A Expo 2020 acontece em Dubai, no Emirados Árabes Unidos, num período de seis meses – de 20 de outubro de 2020 a 10 de abril de 2021.

Com o objetivo de discutir temas bastante abrangentes como tecnologia, ciências, economia, negócios, urbanismo, sustentabilidade, cultura e gastronomia, o evento reúne setores como ONGs, empresas privadas, instiuições de ensino e  governamentais.

Os Emirados Árabes vêm de uma economia baseada no petróleo, mas hoje eles tentam imaginar um futuro onde o petróleo já não vá mais existir.

E o tema Sustentabilidade continua sendo a palavrinha da vez.

Serão 173 dias para se inspirar, criar, colaborar, e principalmente, inovar.

A organização  espera receber em torno de 25 milhões de pessoas!

A história das exposições sempre me encantou.

Não só pelo fato de trazer invenções como o telefone, ou até mesmo a casquinha de sorvete!?!, mas  principalmente pelo legado de inovação arquitetônica indiscutível.

São aquelas oportunidades de se criar sem amarras, limitações… ousar, de mãos dadas à tecnologia de projeto e construçao.

Foi da vontade do principe Albert, e da Rainha Vitoria que surgiu a ideia do evento, em plena era da Industrialização.

Incrível imaginar o icônico Crystal Palace, de Joseph Paxton, que sediou a primeira exposiçao mundial em Londres, 1851.

O que dizer da Torre Eiffel, feita para a exposiçao de 1889, durante o centenário da Revolução Francesa?

Ou do Pavilhao de Barcelona de Mies Van der Rohe em 1929?

 

 

A Expo 2020 Dubai vai reunir 192 pavilhões de países que trarão narrativas de todos os cantos do globo.

A maior superfície de projeção de 360 ​​graus do mundo será encontrada na cúpula de aço do Al Wasl Plaza, enquanto mais de 200 lojas de alimentos e bebidas oferecerão de tudo, desde comida de rua à alta gastronomia, e opções de refeições sustentáveis.

Uma torre de observação rotativa permitirá aos visitantes uma visão panorâmica da exposição, enquanto uma abundância de árvores Ghaf proporcionará sombra em todo o local, além de instalações de arte de artistas locais e internacionais.

 

 

Existem três subtemas principais para o evento: Oportunidade, Mobilidade e Sustentabilidade.

O Pavilhão do Brasil fará parte do Distrito de Sustentabilidade.

O projeto ficou por conta dos escritórios Be-Avid  +  JPG.ARQ  +  MMBB Arquitetos.

Descrição enviada pela equipe de projeto ao site Archdaily:

“Com uma estrutura tênsil em aço e tecido branco leve, forma um arcabouço capaz de receber projeções, criando uma atmosfera imersiva de imagens, sons, odores e temperatura variáveis, por sobre um ondulante e raso caminho d’água que se quer também frequentável. Como nos períodos de cheia, em que o rio avança sobre suas margens, inundando o que antes era terra, o projeto aqui previsto alaga, com uma fina lâmina d’água, todo o chão brasileiro em Dubai. Uma topografia contínua e escura, feita em concreto pigmentado preto lixado e antiderrapante, tem no Rio Negro seu mote poético. Desenhando-se nela meandros, prainhas e remansos, surge uma grande praça d’água. Essa é resguardada por uma estrutura tênsil com 48 metros de lado e 18,5 de altura: quatro planos verticais que suspendem uma cobertura em impluvium moldada por um feixe de cabos ancorados na superfície líquida. Durante o dia, essa estrutura sombreia e protege as águas; ao anoitecer faz do pavilhão um cubo luminoso flutuante. Tomado por projeções, sons, vapores e aromas sutis, é este o espaço essencial da experiência expográfica proposta, cujo tema são as águas fluviais brasileiras.”

 

 

 

Conheça nosso Pinterest! Repleto de images para te inspirar.

Você já conhece nossas outras redes sociais?

Já segue a Conexão Décor?

Passa lá no nosso Instagram e Facebook e acompanhe as novidades.

 

Marilia Arantes

 

TAG: Expo Dubai 2020

comentários