LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES

A tendência dos pequenos imóveis cresce cada vez mais.

Prova disso é o desafio que a arquiteta Cyntia Sabat assumiu ao remodelar um apartamento de 30 m², na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

A premissa do projeto foi a integração dos espaços.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES.  Espaço sem paredes, apenas com painel da TV no centro

 

Anteriormente, havia uma marcenaria bruta e escura paredes que setorizava os ambientes, o que dificultava a circulação, além de prejudicar, também, o bom aproveitamento da iluminação natural.

“Antes de iniciarmos o projeto, procuramos entender as reais necessidades de um projeto desse porte. Optamos que os ambientes tivesse um caráter ambiente, mas sem paredes. A forma que encontramos foi criar algo que convergisse todos os espaços em um ponto central”, explica a arquiteta.

Para criar esse efeito, Cyntia usou a marcenaria e vidros para criar um suporte de TV, onde o aparelho tivesse mobilidade para girar em toda dimensão da base.

Dessa forma, a TV pode exibir imagens para o quarto, cozinha e sala.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES. Painel da TV, que gira para os ambientes, no centro do Loft ,

 

A decoração do ambiente segue uma linha minimalista e contemporânea.

Os tons neutros predominam em todo o flat.

O cinza dá o tom de toda a paleta.

Nuances da cor estão presentes na parede, mobiliário e tapeçaria.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES. Espelho em meia parede em cima do sofá

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES. Ambientes sem parede, com decoração clara

 

O branco contrasta em alguns espaços.

Na cozinha, pastilhas pretas conferem um ar sóbrio ao ambiente, que também funciona como área de serviço.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES.Cozinha aberta , bancada e pastilhas pretas

 

Além da não existência de paredes, a unidade entre os ambientes se dá pela marcenaria: o mesmo tom dos móveis criados pela arquiteta se repete no laminado do piso.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES. Espaço sem paredes e decoração clara.

 

Para trazer sensação de amplitude, Cyntia aposta no bom aproveitamento da luz natural e de espelhos posicionados estrategicamente.

“Os espelhos sobre o sofá, além ampliarem o espaço, também refletem o mar, conferindo um charme especial ao projeto”, conta a arquiteta.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES. Espaço sem paredes e decoração clara com espelho na parede ao fundo do sofá´

 

Para custear o valor do projeto, Cyntia fez o aproveitamento de itens que já existiam no espaço, como a geladeira, que recebeu uma nova roupagem.

A bancada da cozinha também foi aproveitada: como o granito não existia mais no mercado, a arquiteta optou por fazer a continuação com bancada de marcenaria.

“Com isso não fui obrigada a trocar a bancada da pia, economizei para o cliente e integrei com uma bancada quase que na cor da existente”, conclui.

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES

 

LOFT DE 30 M² COM INTEGRAÇÃO DE AMBIENTES

 

 

Conheça nosso Pinterest! Repleto de images para te inspirar.

Você já conhece nossas outras redes sociais?

Já segue o Conexão Décor?

Passa lá no nosso Instagram e Facebook e acompanhe as novidades.

 

Celina Mello Franco

Liliane Abreu

TAG:LOFT

comentários