À frente do AD.STUDIO, uma nova vertente sobre o Arnaldo Danemberg Antiquário, Paloma Danemberg acompanha o pai Arnaldo no atual “Le Grand Tour” – uma viagem de busca de móveis e itens de decoração ao antiquário homônimo; desta vez, como aprendiz.

 

Paloma e Arnaldo Danemberg no caminhão

 

Isso porque Arnaldo Danemberg passa o conhecimento e olhar apurado para descobrir móveis e objetivos de decoração que contém história, pelos caminhos de sua viagem a Europa.

Dirigindo um caminhão por estradas que cortam pequenas cidades, Arnaldo e Paloma alinham a visão sobre itens (geralmente de ofício), que são revisitados com olhar contemporâneo, que misturam linhas retas a outros materiais, como ferro, vidro e ao couro, carregando marcas do tempo.

Foram mais de 40 horas na estrada, 10 cidades percorridas e muitas históricas pra contar.

Paloma e Arnaldo Danemberg garimpando objetos

 

“Quero mudar essa percepção e dar um novo significado às peças. Um carregador de tijolos do século 19 pode virar uma belíssima prateleira e moldes de maquinários podem funcionar como nichos ou oratórios”, explica Paloma.

 

 

Para compartilhar sua experiência como autoridade em mobiliário brasileiro e europeu, anota, entre uma parada e outra, histórias e lembranças de pessoas e lugares, além de sabores de pequenos e notáveis restaurantes em que tem o prazer de conhecer pelo caminho, e que serão divulgados, ainda em 2018, em um livro, que vai abordar o dia a dia de sua profissão.

A cada capítulo, novas descobertas, nos percursos que faz para encontrar antiguidades, ao longo de seus mais de 35 anos de carreira.

 

Paloma Danemberg carrega moveis com o pai Arnaldo Danemberg

 

Celina Mello Franco

Liliane Abreu

 

TAG: Arnaldo Danemberg