Em 2009,  a Porcelana Vista Alegre adquiriu a Faiança Bordallo Pinheiro.

Suas cerâmicas, com um certo “ar” Kitsch, tem uma história de 130 anos.

bordallo-pinheiro

 

Rafael Bordallo Pinheiro, vindo de uma família de artistas, foi um caricaturista da sociedade oitocentista portuguesa. Desiludido com a política, acaba por se dedicar à cerâmica. Muda-se de Lisboa para as Caldas da Rainha e é aí, rodeado de operários, aprendizes e da natureza.

jarras-irreverrentes-bordallo-pinheiro

 

Da horta saem muitas das suas inspirações, produzindo folhas de couves, abóboras, pimentos, nabos, alhos, melancias, entre tantas outras peças, com uma tal perfeição e minúcia que as torna excepcionais.

travessas-couves-bordallo-pinheiro

Conjunto de tijelas Folhas de Couve

 

colecao-laranja-bordallo-pinheiro

Abóboras

 

colecao-tomate-bordallo-pinheiro

Os Tomates

 

colecao-morango-bordallo-pinheiro

A linda composição de morangos

 

colecao-melancia-bordallo-pinheiro

Melancia

 

Beringelas

Beringelas

porta-ovos-oveiros-bordallo-pinheiro

Ouveiros

 

Sendo o gato o seu animal preferido, também se inspira em tantos outros como as andorinhas, insetos, peixes, batráquios, lagartos, mexilhões, sardinhas ou animais de caça.

 

sapostartarugasvistaalegreconexaodecor

 

Bordallo Pinheiro produz peças de uso doméstico, como pratos, travessas, jarras ou taças, e peças decorativas, como azulejos e alguns animais de enormes dimensões.

fruteiravistaalegreconexaodecor-min

Fruteira Surf

 

Traz para a cerâmica a crítica social e política, como o seu famoso Zé Povinho ou o penico de John Bull, numa provocação à figura icónica de Inglaterra.

porcelana de zé povinho para bordallo pinheiro

É o símbolo do modesto povo português, que tudo paga e que a tudo ri, ingénuo, sensível e desconfiado.

 

rafael-bordalo-pinheiro-penico-john-bull-1897

John Bull

 

A sua peça decorativa mais conhecida é a “Jarra Beethoven” que ultrapassa os 2,60m de altura.

Oferece-a ao Presidente do Brasil, Campos Sales, e ainda hoje está no Museu das Belas Artes, no Rio de Janeiro.

 

Jarra Beethoven, de 1895

Jarra Beethoven, de 1895

 

A Coleção Sardinha original da  Bordallo Pinheiro, pela sua natureza clássica e tridimensional, transformou-se no suporte ideal para receber o trabalho criativo que as festas de Lisboa desenvolvem desde 2003, e quem tem atribuído à sardinha o estatuto de ícone da cidade.

lagostavermelhavistaalegreconexaodecor lagostaazulvistaalegreconexaodecor

sardinhas-bordallo-pinheiro

A Coleção de Sardinhas

 

A Coleção Sardinha by Bordallo é revista anualmente, com a introdução de novas ilustrações e a descontinuação de outras.

Nós, aqui da Conexão Décor, já começamos a coleção escolhendo a Sardinha – Fernando Pessoa.

 

lagostadelisboavistaalegreconexaodecor

 

Além das peças históricas, ainda tem as peças mais atuais, criadas por designers convidados e com edição limitada:

 

paredestemouvidosbordallopinheirovistaalegreconexaodecor

“As paredes têm ouvidos” – do nosso professor da faculdade, o artista plástico Marcos Chaves

 

"Despacho" por Isabela Capeto

“Despacho” por Isabela Capeto

 

"Enxame", por Martha Medeiros

“Enxame”, por Martha Medeiros

 

"Colador de Cacos", por Vik Muniz

“Colador de Cacos”, por Vik Muniz

 

"Transbordá-lo", por Tunga

“Transbordá-lo”, por Tunga

 

 

Vale a pena checar o projeto Bordallianos no Brasil 

 

Helena Antunes

 

Tags: Bordallo Pinheiro